Connect with us

Críticas

Crítica | ‘Monarch: Legacy of Monsters’

Published

on

Monarch

Monarch carrega um elenco ótimo, produtores consagrados, mas será que isso tudo reflete na série? Neste caso, quase sim e quase não. A produção da Apple TV+ que faz parte do monsterverso e se passa após os eventos de Godzilla, narra a história dos irmãos Cate e Kentaro em busca do pai sumido. May acompanha a jornada e no decorrer dela, Lee aparece.

Confira o trailer

Monarch tem um grande problema que é quando o flashback sobressai o momento atual no qual a série se passa. E aqui não foi só uma vez, foi por quase toda a temporada. Quase todos os episódios tiveram flashbacks e em todas às vezes foram melhores que o presente da série. E outro ponto negativo nesse assunto, é o exagero de flashbacks, não duravam uma cena ou outra, e sim vários minutos.

Confira a review dos episódios anteriores: um e doistrêsquatrocincoseissete; oito; nove.

Na questão narrativa, a série oscilou muito. Em alguns episódios empacava. Travou. Parecia não seguir em frente, estava completamente parado, parecia perdida e sem saber para onde ir, e tudo isso no meio da série, dai em diante foi outra produção. Personagens como Cate que parecia puxar o freio de mão, simplesmente acelerou. Kentaro que estava com um desenvolvimento fraquíssimo, também deu uma melhora. May está muito boa e assim seguiu. As atuações são boas, não há nada de extraordinário, mas é bom pontuar que Wyatt e Kurt estão ótimos, melhores até que o trio principal.

Agora partindo para o que interessa: MONSTROS. Não tem, não como você pensa. A série se passa nesse mundo onde os titãs são os vilões da humanidade. Em Monarch, a história narra o ponto de vista humano, como vivem em um mundo que a qualquer momento um monstro pode pisar em você, destruir sua casa, matar seus alunos, destruir sua vida. A série tem muito pouco a monstruosidade que muitos queiram ver, mas o que tem é muito bom, com efeitos níveis filmes – os muito vem construídos, óbvio. Os últimos episódios são ótimos nesses termos de VFX, narrativa, atuações e direção. Incríveis.

Monarch fornece o preenchimento da lacuna necessária em monsterverso que está ali entre o primeiro Godzilla e Godzilla vs Kong. Os antagonistas da série obviamente são os monstros, mas é claro que há outras ameaças e a pior delas são os próprios humanos, sua arrogância e ganância, seu desejo enlouquecedor de poder, um poder que não cabe em suas mãos, e isso é um reflexo do mundo atual, pois é assim que tudo é regido.

A série tem grandes pontas soltas, principalmente seu final que dá ligação direta para outras produções do Monsterverse. O futuro da Monarch todos já sabemos, mas o que ela fez até chegar onde chegou, saberemos mais, com certeza. Monarch: Legacy of Monster é série que derrapa no exagero dos flashbacks e o foco de qualidade maior lá do que na linha do tempo principal. Sua narrativa é outro derrape, mas não tão quanto o anterior. Atuações e direção são os grandes destaques.

Avaliação: 3.5 de 5.

Monarch: Legacy of Monster está com a sua primeira temporada disponível na Apple TV+.

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %
1 Comment

1 Comment

  1. Pingback: Crítica | Sobreviventes Depois do Terremoto com Seo-joon...

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias

Copyright © 2017 Zox News Theme. Theme by MVP Themes, powered by WordPress.